magos.jpg

O ciclista Magno Nazaret do Prado, que havia sido convocado para as disputas em pista no Pan-Americano do Rio de Janeiro, foi vetado do evento devido a um exame antidoping positivo durante a Volta de São Paulo deste ano.

“Diante disso, o atleta foi afastado da delegação brasileira e não mais competirá no Rio 2007”, afirmou nesta quinta-feira o COB (Comitê Olímpico Brasileiro) em comunicado oficial.

Essa substância constatada no seu exame (sibutramina) é a mesma que foi detectada recentemente em dois jogadores do Juventude de Caxias do Sul/RS.

Os atletas flagrados na época, alegaram que consumiram apenas um suplemento alimentar que estaria, teoricamente contaminado.

No dia 15 deste mês, a ANVISA suspendeu as atividades da empresa Integralmédica S/A por estar adulterando suplementos alimentares com a sibutramina que é de uso controlado (leia o comunicado da ANVISA).

Mesmo que seja essa a razão do positivo do exame, a Wada (agência mundial anti-doping), para aceitar esse tipo de defesa (suplemento contaminado) exige um protocolo de avaliacao extremamente despendioso para o atleta inocente. Isso pode significar o fim de carreira de muitos.

Nada como o bom e velho arroz com feijão…