luca

Danilo Di Luca, declarou momentos antes de entrar no confessionário do COI que “não posso explicar como dei positivo duas vezes no Giro. Não descarto a hipótese de ter sido vítima de um complô, mas antes de afirmar, tenho que estar seguro disso”.

Só uma coisa me irrita mais do que um batoteiro: um batoteiro mentiroso (estilo Vinokourov, só pra citar um exemplo).