Tour de France 1930

Tentando acabar com a supremacia das equipes das fábricas de bicicletas, o “dono” do tour, Henri Desgrange teve a idéia de realizar a competição no ano de 1930 com seleções nacionais, tal qual é o Campeonato Mundial. Outros dizem que essa mudança foi por causa da escassez de vitórias francesas nos anos anteriores (a última vitória fora em 1923 com Henri Pélissier).

O jornal L’Auto anunciava então que o Tour havia mudado de fórmula: seriam cinco equipes de oito corredores (França, Itália, Bélgica, Alemanha e Espanha) e mais sessenta “touristes-routiers” (avulsos), que seriam selecionados pela organização.

Claro que as equipes nacionais seriam compostas pela nata do ciclismo mundial. Mas também é certo que alguns bons corredores não teriam lugar nas equipes, devendo colocar-se na categoria “touristes-routiers”, o que muitos acabaram por não aceitar.

Além disso, para evitar cair no mesmo problema da guerra das bicicletas, a direção do Tour se encarregou de fornecer a mesma bicicleta para todos os corredores tendo a certeza da igualdade de condições (na idéia de Desgrange). Como consequência, muitos corredores não receberam o salário das suas equipes durante o mês de julho.

Da mesma forma, a direção do Tour escolheu os diretores esportivos das seleções. Toda a manutenção, alojamento para os ciclistas, diretores, mecânicos e massagistas ficou a encargo do Tour.

Solução de um lado, problema de outro. Era necessário tirar dinheiro de algum lugar para custear todas essas despesas. Assim, organizou-se pela primeira vez um esboço do que seria conhecido mais tarde como “caravana publicitária”: antes da prova realizava-se um desfile de alguns produtos dos patrocinadores, um êxito enorme. Junto a essa fórmula, outro modo de angariar fundos foi cobrar das cidades por onde a prova passaria.

Com relação à formula da prova: ocorreu tudo dentro do previsto e os franceses ganharam com André Leducq.

tour 1930

2 respostas para Tour de France 1930

  1. Emilio Salum Filho disse:

    e assim o tour entrou na era da publicidade…..

  2. Mauricio disse:

    Muito leal ver esta foto, todos os ciclistas sorrindo!!!