Kuurne-Brussel-Kuurne 2010

Completando o fim-de-semana-flamenco, no domingo teremos a tradicional Kuurne-Brussel-Kuurne, outra prova belga recheada de ingredientes interessantes (pedras – não, essa não tem pedras -, barro, frio e hellings).

Com uma listagem de participantes um pouco mais pobre, a prima humilde (mas nem por isso menos interessante) do troféu-cabeça-de-burro (veja aqui a explicação para tão original troféu) tem nesse ano 194Km. Como vem sendo habitual nos últimos anos, o último dos oito”hellings” é o Nokereberg, a aproximadamente 48Km da meta.

Resumindo: se alguém quiser ganhar escapado, deve trucidar o pelotão até esse local, eliminando os sprinters e rodadores mais fortes (=Tom Boonen), fazendo aquilo que é necessário nessas clássicas: ritmo forte, sempre. Ou em bom português, é preciso sangue nos “óio“.

A transmissão ao vivo:  no Sporza. Aguardem o link.

O site da prova é daqueles fraquinhos (até eu faria coisa melhor), sem mapa, sem altimetria, com fotos pequenas e muito confuso: http://www.kuurne-brussel-kuurne.be.

Histórico de vencedores:

2009 Tom Boonen
2008 Steven Dejong
2007 Tom Boonen
2006 Nick Nuyens
2005 George Hincapie
2004 Steven De Jongh
2003 Roy Sentjens
2002 Jaan Kirsipuu
2001 Peter Van Petegem
2000 Andrei Tschmil
1999 Jo Planckaert
1998 Andrei Tschmil
1997 Johan Museeuw
1996 Rolf Sorensen
1995 Frederic Moncassin 
1994 Johan Museeuw
1992 Olaf Ludwig
1991 Johnny Dauwe 
1990 Hendrik Redant

2 respostas para Kuurne-Brussel-Kuurne 2010

  1. Emílio disse:

    o que é Helling?

  2. Zaka disse:

    Helling tem o mesmo significado de MUURS ou BERGS.

    Em português: aqueles morrinhos curtinhos, bem inclinados e chatos de subir.