Rock Racing: sem licença profissional

Notícias como essa, com a UCI negando a licença Continental Profissional para a badalada equipe americana Rock Racing valorizam ainda mais a conquista e a posição da Scott-Marcondes César.

Agora é valorizar o status adquirido e tratar de mantê-lo.

4 respostas para Rock Racing: sem licença profissional

  1. rodrigo fieira disse:

    Foram acender vela pro “outro” santo…:)

  2. Jatsutsu disse:

    Falando em Scott-Marcondes César, legal ver o nome da equipe na start list do Tour da Turquia 2010.
    http://www.tourofturkey.org/Teams

  3. Thomas disse:

    Essas politicagens da UCI é que ferram com o ciclismo..

  4. Fernando disse:

    O caso aqui não é ter a licença negada, mas sim como é que a deixaram competir por 3 anos! Todos os “bons” cilistas da equipe foram pegos em casos sérios de doping (p.ex. Mancebo, Sevilla, etc., e fecharam com chave de ouro ao contratarem o Floyd Landis).