Pergunta do dia

Quem falou isso?

Coppi aproveitava bem a vida. Mas ele era uma exceção, como Bartali, Bobet, Koblet, Kübler e Magni. Os outros eram gregários, gregários pobres que combinavam o ciclismo com outra profissão (…).

Coppi, ao contrário, treinava como um profissional moderno. Preparava a Milano-San Remo com dois meses de antecedência. Os outros chegavan na prova a sua maneira. E a diferença era enorme.

Ele foi o melhor no “seu” ciclismo. No “meu” fui eu.

4 respostas para Pergunta do dia

  1. Antonio Carlos Alves disse:

    Concerteza esta frase deve ser do Gino Bartali

  2. Augusto disse:

    Se a frase foi dita hoje, demonstração de humildade.

    Se foi na época dele, arrogância.

    Mas sem dúvida ela vem do Canibal

  3. Antonio Carlos Alves disse:

    O Eddy Merckx não poderia jamais ter dito essa frase.

    Ele foi um profissional muito mais dedicado que o Coppi e com muitos mais recursos.

    Ninguém levava a sério o profissionalismo igual a ele.

    a frase de Eddy Merckcx que ficou famosa sobre Coppi, foi quando um jornalista perguntou quem foi melhor ele ou o Coppi.
    Outros tempos, até onde Fausto poderia chegar se não fosse a guerra?