Giro d’Italia 2010 – Imagem do dia

Perguntaram a Andy Schleck se ele tinha ficado impressionado com 90.000 pessoas dentro de um estádio de futebol na Espanha (não sei qual).

Respondeu que não, estava habituado a ver 200.000 pessoas nas chegadas de montanha.

13 respostas para Giro d’Italia 2010 – Imagem do dia

  1. wagner disse:

    isso sim é um estádio

  2. Anderson disse:

    O narrador do Giro ontem, Marco Saligari, comparou a montanha com um estádio. Que recepção no Zoncolan.

  3. Bortolin Furlanetto disse:

    Realmente foi impressionante ver toda aquela multidão.

  4. Bruno F Tiggemann disse:

    Essa subida do Zoncolan foi matadora! Espetáculo dos atletas e do público. Viva il Giro!

  5. Gabriel Sousa disse:

    Essa subida do Zoncolan foi matadora! Espetáculo dos atletas e do público. Viva il Giro (2)

  6. José Carlos SBC/SP disse:

    O impressionante é ver que muita gente se deslocou muito apenas para previlegiar a chegada lá em cima, sem contar que tinha gente praticamente na subida inteira, q

  7. Antonio Carlos Alves disse:

    Que espetáculo. Este é o Giro, A Festa de Maio, A Festa Rosa.

    Uma enorme multidão na montanha

    Um Basso andando muito

    A Porta do Inferno… a subida ao Monte Zoncolan foi para ninguem esquecer.

    Fico imaginando como o Murilo deve ter sofrido chegou em 107º com 25′ 36″ mas chegou, um herói. Sete desdistaram, entre eles: Manuel Belletti, Mathew Goss, Tyler Farrar e Robert Mcewen.

    Parabéns Murilo, um brasileiro aguentando uma parada dificil até para os escaladores.

  8. Juca disse:

    Que subida !!! isso sim é ciclismo , bem a moda antiga mesmo !

  9. Antonio Carlos Alves disse:

    Terça vem o contra-relógio de 13 km – parada duríssima essa da subida ao Plan de Corone.

    Muita coisa pode mudar.

    Depois ainda teremos mais duas etaps dificeis de montanha: a do dia 28 – 19ª Etapa Brecia-Aprica 195 km e dia 29 (penultima etapa) 20ª Etapa Bromio-Ponte de Legno 178 km

    e aí é só esperar o contra-relógio de Verona.

  10. Antonio Carlos Alves disse:

    Juca

    Esse está sendo um Giro para ficar na História

  11. David_biker disse:

    Depois da “descansada de roda” no dia anterior onde o Nibali fugiu… O Basso “entrou com 1 quente e 2 fervendo” na escalada Zoncolan! Muito esperto. Evans, Vino e Nibali suaram um pouco na etapa do Sábado, resultado de uma excelente estratégia Liquigas.
    Esperava mais do Scarponi e me chamou a atenção o Cunego superando o Vino.

    O Vino no momento que cruza a linha quase “apaga”! Ele desequilibra e só não cai graças ao pessoal da organização que empurrava os ciclistas no momento que cruzavam a linha. Também, encarar inclinações de 20% numa madeira daquela… é pra desmaiar em cima mesmo!

    Aquela tarde no estádio Zoncolan gerou satisfação, emoção e alegria nos italianos semelhante à vitória do saudoso Ayrton Senna no GP do Brasil!
    Do túnel até a chegada, cada pedalada do Basso arrepiava a todos. Parabéns para o Murilo Fischer e todos que sem dúvida contribuiram para um espetáculo daquele!
    Pagava caro para estar ali!
    Momento único.

  12. Will Barbosa Bike e etc. disse:

    é verdade!
    que Giro!
    que disputa!
    quanta incerteza acerca das apostas em um vencedor!
    estamos adorando!

    o Basso realmente me surpreendeu (creio que a todos)
    se fez de morto pra bater a carteira do coveiro! rs

  13. Negovéio disse:

    A etapa do Zancolan. quando o helicóptero mostra aquele “barranco” e a multidão! foi de impressionar mesmo. em poucas tours eu vi essa quantidade de gente. E pensar que o pessoal vê somente o cara passar uma vez.

    abraço